Bem-vindo a São Paulo

São Paulo é a terceira maior cidade do mundo. Charmosa, rica, moderna, intelectual, sentimental, democrática…não há como definí-la!

Crédito de imagem: Acervo SP Turis / Avenida Paulista.

Cidade que é símbolo do bom e do ruim. Selva de pedra, cinzenta, monstro da economia brasileira e da diversidade. Por lá as diferenças se encontram em uma pluralidade racial.

Sampa é a capital sul-americana de feiras e negócios, onde o Turismo movimentou só em 2010 números por volta de R$ 9,6 bilhões, em viagens, hospedagens e transportes.

Entre as ofertas turísticas da cidade está uma enorme variedade de restaurantes, cinemas, casas noturnas, museus, teatros etc. A capital ainda abriga as principais redes hoteleiras nacionais e internacionais. Também é sede das 100 maiores empresas privadas nacionais, assim como de 63% dos grupos internacionais que também estão instalados na metrópole.

Um dos pontos mais característicos da cidade é a Avenida Paulista. Conhecida, mundialmente por concentrar o maior centro empresarial financeiro ela é hoje considerada um pólo de decisões. Sendo, até, comparada a Quinta Avenida em Nova Iorque…quanto poder eihm?rsrs.

Eu, particularmente, amo SP e já comentei isto em outros posts. Costumo dizer que sou paraense de nascimento e paulistana de coração!! I love Sampa.

E, continuando meu post sobre a viagem a São Paulo, vou descrever um pouco minha rápida caminhada pela Avenida Paulista!!

Avenida Paulista

Andando pela Paulista, sou apenas mais uma entre tantas outras pessoas. No corre-corre pra lá e pra cá, sou imperceptível. Mas, não me importo, simplesmente anseio pelo acolhimento da grande “mãe” São Paulo.

Em passos lentos, avisto enormes esculturas de rinocerontes em tamanho natural, todos pintados segundo o olhar de diferentes artistas do projeto “Rino Mania”.  O principal objetivo da exposição é disseminar a arte e a preservação das espécies no meio ambiente.

Escultura de Rinoceronte na Avenida Paulista/SP

Logo, me veio em mente: Por que não organizam uma exposição com animais de nossa fauna brasileira? Pôxa! A Amazônia está em evidência no mundo inteiro. Qual o problema em não valorizar o nosso bioma? Bem, mas esta questão já é uma outra história…rsrs

Um lugar bacana pra visitar, na Paulista, é o Masp (Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand). Já o visitei outras vezes e ele sempre me surpreende.

Entrada do MASP

O legal é que, nas terças-feiras, a entrada é gratuita.rsrsr…E, justamente, neste dia pude conferir a exposição: “Arte Urbana Contemporânea – De Dentro e de Fora”.

Nesta amostra o público é convidado a interagir com a arte apresentada através de diferentes linguagens: instalações, pintura, escultura, desenho etc.

A arte retratada Dentro e Fora do Museu

Achei a proposta bem interessante, pois a arte está presente em todos os lugares e principalmente no cotidiano de nossas vidas. E, nos trabalhos expostos foi possível observar que a paisagem urbana da cidade mistura-se “dentro e fora” do museu.

Acredito que a reflexão do que é arte só depende da nossa própria capacidade de interpretação.

Aqui a expressão de vários artistas

E, assim, caminhando, observando, admirando…rsrs, sigo pela Paulista …

Ah! Não poderia deixar de citar outro lugar que eu gosto muito, a Casa das Rosas – um espaço no qual a poesia e literatura caminham juntas. Geralmente, neste centro cultural acontecem saraus, recitais, teatros e todo e qualquer tipo de arte. A dica ao leitor é consultar o calendário de eventos do casarão e, na visita, não deixem de passar no charmoso café que fica na área externa do espaço, com uma maravilhosa  vista para o belo jardim que o casarão possui.

Jardim da Casa das Rosas

Bem, chegando ao fim deste meu passeio pela Paulista, lembrei-me de uma composição de Caetano Veloso sobre a faceira e gigante: “Sampa”:

(…) E foste um difícil começo

Afasto o que não conheço

E quem vende outro sonho feliz de cidade

Aprende depressa a chamar-te de realidade

Porque és o avesso do avesso do avesso do avesso.

No mais vou ficando por aqui,cheia de saudade desta que é minha cidade do coração: “São Paulo”.

*by Clí Santos